16/04/2015 - LBV- Fazendo do Brasil um país feliz e de oportunidades

Fazendo do Brasil um país feliz e de oportunidades

Ajudar a mudar a vida do próximo pode transformar o Brasil para melhor

 

O Brasil é um país que acredita muito em seu futuro. Por exemplo: os brasileiros vêm liderando o Índice de Felicidade Futura (IFF), pesquisa realizada pelo Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas, com referência nos dados do instituto Gallup World Poll. No entanto, hoje, grande parte da população não teve, ainda, a oportunidade de ser feliz.

 

Para construir um país melhor, para que se alcance a felicidade, a Legião da Boa Vontade propõe uma atitude que tem se mostrado eficaz: a Solidariedade. Somente em 2014, a LBV prestou 11,8 milhões de atendimentos e benefícios a populações em situação de vulnerabilidade social. Com o seu trabalho, crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos e famílias tiveram acesso à educação, à cultura, à alimentação, à capacitação profissional, ao esporte e lazer, entre outras ações, garantindo dignidade, esperança e, claro, felicidade.

 

Maria Neuza reside em São Paulo/SP. Ao contrário de boa parte das pessoas, ela não pôde desfrutar das alegrias da infância, em decorrência de uma doença que, entre outros graves sintomas, a deixou paralisada. Mas ela se curou e, atualmente, é vista nas aulas do programa Educação de Jovens e Adultos (EJA), do Conjunto Educacional Boa Vontade. O que ela deseja é ser alfabetizada, para que possa concluir o curso de cabeleireira e exercer a profissão. Ter essa perspectiva de futuro é o que a deixa contente. “A pessoa que não tem sonho é uma pessoa que só existe”, afirma.

 

Elevar a autoestima de idosos é um dos principais motivos para a existência do programa Vida Plena, que a LBV promove em várias cidades do país. Por meio de diversas atividades, como atendimentos individualizados e coletivos, passeios e troca de experiências, esses atendidos não se sentem sozinhos ou abandonados, e sim, acolhidos pelos profissionais da Instituição e pela própria sociedade. Maria José, da cidade de Recife/PE, abandonou cedo as pretensões educacionais e profissionais para dedicar-se exclusivamente à família e, com os desafios da vida, era difícil vê-la sorrir até o momento em que conheceu a Legião da Boa Vontade. “Na LBV, eu encontrei muita paz e tranquilidade (...), as pessoas abraçam a gente e essa alegria vem para nós. É muito bom receber atenção e carinho”, ressalta.

 

A gaúcha Graciele descobriu, aos 19 anos, que esperava um filho. Com pouca idade e muita inexperiência, a jovem teve de, precocemente, preparar-se para a maternidade. Com o passar do tempo, ela apresentou depressão, e, com o filho já crescido e com comportamentos agressivos, conta como a Instituição, por meio do programa Criança: Futuro no Presente!, a ajudou a superar esse desafio. “Já não tinha esperança. Meu filho estava muito rebelde, desobediente. No momento em que ele entrou na LBV, mudou completamente. Agora, me respeita e está obediente. Mudou na escola; a professora não acreditava que ele iria mudar e mudou, passou de ano. É meu grande orgulho! Aqui, o amor é muito grande, nunca imaginei que eu iria encontrar um lugar assim”, assevera.

 

Pelo território nacional, a Legião da Boa Vontade desenvolve, ainda, em seus Centros Comunitários de Assistência Social, os programas Cidadão-Bebê, Jovem: Futuro no Presente!, Capacitação e Inclusão Produtiva, Aprendiz da Boa Vontade e Vivência Solidária, bem como oferece atendimento de excelência em seus lares para idosos e nas escolas de educação básica. Ao todo, são 79 unidades nas cinco regiões brasileiras.

 

Para que possa melhorar sua rede de atendimento, aprimorar a qualidade dos serviços prestados e modernizar a infraestrutura, a LBV vem promovendo a campanha Eu ajudo a mudar!, contando com a colaboração de todos os que desejam viver em um país mais justo, solidário e com oportunidades iguais para todos. Colabore: www.lbv.org/doe. É com seu apoio que a LBV concretiza a expectativa de tantos brasileiros em um futuro melhor.


Fotos da Notícia



rcvrevistasocial@yahoo.com.br

(51) 3367.0521
(51) 98523.1146 (oi)    - (51) 98135.1095 (tim)



Desenvolvido por Thiago Piovesan